Calças de ganga :: bainha original


Marcar as calças na altura desejada e cortá-las na linha de marcação. A seguir deve cortar-se o tecido em excesso na parte da bainha, deixando um centímetro de tecido a mais para se ter espaço suficiente para se coserem ambas as partes das calças - bainha e perna - e fazer uma costura para impedir que o tecido de desfie com o uso.

Juntar ambas as partes das calças e prender com alfinetes, prestando particular atenção ao alinhamento perfeito das costuras das bainhas e das pernas das calças. 


Coser na máquina, com uma agulha apropriada ao tipo de tecido, o mais perto possível do rebordo da bainha original, conforme a imagem em cima.


A bainha, antes de ser passada a ferro, ficará com um aspecto idêntico à que aparece nesta fotografia. Aqui é aconselhável experimentar as calças para verificar se o comprimento é o desejado e se a bainha é suficientemente discreta. Após "abrir" bem a costura e passá-la a ferro, esta fica quase invisível mas é sempre bom verificar caso seja necessário coser ainda mais perto da costura da bainha original.

Eu só uso este tipo de bainha quando as calças precisam de ser ligeiramente encurtadas e é necessário descoser a bainha para cortar o tecido. Se não for este o caso, opto sempre por fazer uma bainha normal.

Para que o tecido não desfie, existem duas opções. Ou se faz uma costura na máquina corta-e-cose  quando se tem uma ou se faz um ponto de luva (surjet em francês, overlock em inglês) com a máquina de costura usando o pé calçador adequado e o ponto de luva.


Opção 1 :: costura "ponto de luva" na máquina de costura

Seleccionar o ponto e o pé calçador apropriados. Caso se use pouco ou nunca este pé calçador e/ou este tipo de ponto, é aconselhável consultar o livro de instruções da máquina.

Pé calçador para ponto de luva

Cortar o excesso de tecido necessário para obter uma costura perfeita e coser o tecido na zona em que foi cortado para impedir que o tecido desfie no futuro.

Na fotografia o excesso de tecido não foi cortado porque eu optei por fazer a costura na máquina corta-e-cose.


A costura feita pela máquina de costura fica com um aspecto idêntico ao da imagem de cima. A costura feita com esta máquina deve ficar tão próxima quanto possível do rebordo da bainha original, como a que aparece na fotografia da costura da opção 2.


Opção 2 :: costura "ponto de luva" na máquina corta-e-cose


Alinhar bem o rebordo com a marca da agulha do pé calçador e coser a bainha.


A costura feita com a máquina corta-e-cose fica com este aspecto.


"Abrir" bem a costura e passar bem a ferro. A costura ficará praticamente invisível como se pode ver nesta fotografia.