Degelo



Finalmente as temperaturas subiram e choveu, a neve começou a derreter embora ainda resista em certos locais. Finalmente foi possível sair de casa, consegui inclusivamente ir levar as quantidades astronómicas de papel e embalagens de leite para o parque de reciclagem. Fazer isto com frio, chuva, neve, humidade não é uma tarefa agradável e por isso há que esperar que o tempo o permita. Tive que esperar muitas semanas mas consegui fazê-lo antes da chegada da Primavera.

Levar as embalagens de plástico ao parque de contentores para reciclagem quer dizer passar um bocadinho de tempo a tirar as tampas das embalagens e a ver de que tipo de material de que são feitas para as colocar no sítio certo. Garrafas de água de plástico, embalagens de água destilada, garrafas de plástico de leite, pacotes de leite, etc., etc., são fabricadas com materiais diferentes (vê-se no fundo da embalagem) e têm que ser deixadas no local certo e só depois de se tirar a tampa. O papel vai para um contentor, o cartão vai para outro contentor, as caixas têm que ser abertas e eu tive a ideia brilhante de usar caixas de cartão para ir metendo o papel, ou seja, tive que as despejar, verificar que não havia cartão entre o papel, abri-las para as deitar fora (isto sob o olhar controlador de um dos senhores que trabalha no parque).


Muita neve e neve gelada têm este efeito nas árvores.